Priscila Armani – Jornalista

Cinema, cultura, mídia e variedades nas palavras livres de uma jornalista.

O blog e os jornalistas

leave a comment »

Pesquisa realizada com 200 jornalistas de 30 países mostrou resultados interessantes quanto a como ter um blog afeta a forma de um profissional da imprensa trabalhar.

Os jornalistas sentiram de maneira mais intensa o feedback dos seus leitores, por meio de comentários e resultados de enquetes nos seus blogs. Eles começaram a perceber necessidades diferentes em seu público e, em alguns casos, chegavam a sugerir assuntos de notícias no blog e desenvolviam os assuntos que fossem os escolhidos.

Mas os jornalistas tiveram diferentes tipos de percepções de acordo com as áreas nas quais trabalhavam. Respondendo à pergunta: “Bloggar mudou a forma como você desenvolve suas idéias de histórias e/ou de leads?” tivemos pouco mais de 20% dos jornalistas de jornais impressos dizendo que suas idéias não mudaram em nada. Mas a maioria dos profissionais de impressos, rádio, televisão e revistas respondeu “enormemente” ou “completamente”.

Outra questão apontada nas notícias diz respeito ao que os gringos chamam de “newsgathering”, ou seja, o processo de coleta de informações e a forma como a notícia chega até o jornalista. Muitos profissionais se manifestaram mais tensos com a obrigação de atualizar seus blogs, o que significou aumento da demanda de trabalho. Isso interferiu, inclusive, na forma de apuração, visto que a rapidez da internet às vezes os obrigou a publicar mesmo sem ter certeza da informação. Algo muito sério, a meu ver. Mesmo que depois o erro seja concertado em tempo real, o estrago pode já estar feito. 

Por fim, uma das conclusões mais interessantes, a meu ver, envolve mudanças no estilo de escrever do jornalista, que se tornou mais pessoal e menos formal. Os jornalistas disseram estarem mais “criativos” e terem conseguido encontrar a sua “voz” e sendo mais concisos, escrevendo menos e sendo objetivos. Para eles, a web oferece uma tecnologia que permite a “expansão” da forma de trabalhar, que vai muito além do que a TV, o rádio ou o impresso oferecem. Eles também manifestram satisfação em ter um espaço para contar detalhes e curiosidades de notícias e dos bastidores que, se eles não tivessem blogs, jamais chegariam a público. “São interessantes, mas isso não significa que tenham espaço no jornal, na TV ou no rádio”, manifestaram muitos profissionais.

A pesquisa “Blogging Journalists” foi idealizada por Paul Bradshaw, do Online Journalism Blog. Veja os resultados desse trabalho na íntegra e em inglês.

Anúncios

Written by Priscila Armani

sexta-feira, outubro 17, 2008 às 11:49 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: